Quem sou eu

domingo, 11 de outubro de 2009

VL.MARIANA E SUA HISTÓRIA

O bairro completou 227 anos em setembro. O bairro recebeu inicialmente o nome de Cruz das Almas, depois Colônia, por fim, Vila Mariana. Esse nome foi dado pelo Cel. da Guarda Nacional, Carlos Eduardo de Paula Petit, em homenagem a sua mãe Anna, e a sua esposa, Maria.
No final do século 19 começava a funcionar o Matadouro Municipal (onde hoje funciona a Cinemateca Brasileira) o qual impulsionou o progresso, pois a partir dele, surgiram as fábricas de fósforos e de cerâmica, a abertura de armazens, padarias, açougues, quitandas, hotéis e até a Escola Pública Dna. Maria Petit.
Em 1928 o Governo do Estado iniciava a construção do Instituto Biológico da época, buscava controlar uma praga que atingiu os cafezais. Hoje o Instituto dedica-se a pesquisas agrícolas nas áreas de saúde animal e vegetal, além de manter um museu (aberto a visitação pública), que mostra, por exemplo, a reprodução de uma folha de árvore.

Conhecido por sua vocação residencial, o Bairro de Vila Mariana (que engloba os bairros de Saúde e Moema e inclusive o Pque. do Ibirapuera) transita entre o histórico e o moderno, entre os antigos e os contemporâneos, entre as casa erguidas a partir da década de 30 que ainda resistem ao tempo, e os edifícios de luxo.
Considerado Bairro nobre, a Vila Mariana é também conhecida pelos seus complexos de saúde, educação, cultura e lazer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário